Casa sustentável: conheça exemplos para inspirar o seu projeto

Viver de forma harmoniosa com a natureza, causando o menor dano possível ao meio ambiente é uma urgência do nosso tempo. E para quem se preocupa com essa questão, morar em uma casa sustentável é uma forma inteligente e confortável de ajudar a cuidar do planeta. 

Neste artigo, nós reunimos exemplos de projetos de casas ecologicamente corretas que são ganhadoras de prêmios e podem inspirar a construção ou a reforma do seu imóvel. Boa leitura!

O que é uma casa sustentável?

Construção pensada de forma estratégica para reduzir o impacto negativo da obra no meio ambiente, uma casa sustentável é projetada para estar em harmonia com o espaço que a cerca.

Nesse tipo de construção, o grande objetivo é diminuir drasticamente o uso de matérias-primas  tóxicas à natureza e a produção de resíduos que gerem poluição. Além disso, as casas ecológicas e sustentáveis primam pelo uso inteligente de recursos como água e energia, e buscam se integrar à natureza nativa do local onde são edificadas.

Como planejar uma casa sustentável?

Para quem deseja ter uma casa sustentável, os cuidados devem começar já na escolha do terreno. O ideal é que uma construção sustentável fique em um endereço que dê fácil acesso ao transporte público e a pontos como escolas, hospitais e supermercados, diminuindo a necessidade de seus moradores utilizarem automóvel particular. 

Na escolha do terreno também é muito importante se certificar de que a casa não será construída em área de preservação ambiental, com nascentes ou matas nativas.

Outro ponto de atenção está relacionado aos materiais que serão usados para a construção. Engana-se quem acredita que materiais biodegradáveis, muitas vezes mais caros, são sempre a melhor opção. 

A procura deve ser por matérias-primas que sejam fartas na região e tenham boa procedência, como madeiras legais de reflorestamento. E, claro, deve haver cuidado especial com a eliminação do desperdício: é importante comprar apenas o necessário e evitar a perda de matéria-prima.

Por último, mas não menos importante, como dissemos já no tópico anterior, para uma casa sustentável é fundamental pensar na economia de energia e água, criando soluções para o sistema elétrico e hidráulico, como a captação de águas pluviais, placas para armazenar energia solar e planejamento arquitetônico que aproveite os recursos naturais.

E fica a dica: todas essas possibilidades podem ser muito bem aplicadas se houver auxílio de um profissional que entenda bem do assunto.

Inspirações para a sua casa sustentável

Apesar de não ser uma ideia muito recente, as casas sustentáveis só agora estão ganhando força no Brasil. Nosso país, que é rodeado por natureza, também é rico em recursos renováveis, o que tornar esse tipo de projeto muito viável por aqui.

Se você sonha em morar em um imóvel com esse conceito, confira cinco casas sustentáveis, brasileiras, bonitas e ecologicamente corretas para se inspirar:

Casa 88°, em Boa Vista/SP

A Casa 88º está localizada no condomínio Fazenda Boa Vista, município de Porto Feliz, a pouco mais de 100km da capital paulista, e é reconhecida como um modelo de construção que teve um planejamento sustentável.

Ela é a primeira com o Selo Consciente O’R 88º e também recebeu o Prêmio Saint Gobain na categoria Profissional – Modalidade Residencial 2015.

A casa, que é uma das pioneiras no mercado brasileiro, conta com estratégias para a eficiência acústica, energética e de gestão de recursos naturais, como uma cobertura verde, para isolamento do som e do calor; um catavento, para a produção de energia eólica; e abertura zenital nos banheiros, para iluminação e ventilação naturais.

Casa com medidas sustentáveis, em Goiânia/GO

Na casa da arquiteta Luana Lousa de Almeida, em Goiânia, além das soluções sustentáveis mais comuns, como a instalação de placas fotovoltaicas para geração de luz solar, há medidas menos populares, como a confecção ecológica do mobiliário, que foi feito com madeira de demolição.

A profissional ainda adotou soluções para a economia de água, reservando água da chuva, reciclando águas cinzas (de pia, chuveiro e lavanderia) e aplicando mecanismos em bacias sanitárias, chuveiros e pias para reduzir o consumo.

Casa HLC, em São Paulo/SP

A Casa HLC, que fica próxima ao Parque Ibirapuera, na cidade de São Paulo, também foi planejada desde seu desenho de forma sustentável. A própria localização foi pensada especificamente para seus proprietários, que trabalham na região.

Entre outros itens, o modelo apoia-se bastante na vegetação, que serve para manter o clima da casa e ajuda a permeabilizar o terreno.

Casa com etiqueta PBE-Edifica, em Sinop/MT

Conhecida como Casa Azul, ela foi a primeira do Mato Grosso a receber certificação do Inmetro por eficiência energética, já que tem redução de 85% no consumo de energia.

São 270 m² de área total e 34 painéis solares fotovoltaicos que limitam a conta de energia a R$ 54 mensais. A casa ainda tem ventilação e iluminação naturais, e uso racional de água e refrigeradores. 

Casa com certificação Referencial GBC, em Maresias/SP 

Essa casa sustentável, localizada em frente à praia de Maresias, no litoral norte de São Paulo, foi a primeira a receber a certificação Referencial GBC Casa.

Uma das soluções implementadas tem tudo a ver com a região: painéis de Argamassa Armada com miolo de Poliestireno Expandido (EPS) que ajudam no isolamento acústico e térmico.

Durante a construção, houve captação de águas pluviais e treinamento aos operários, para redução de custos. E, com a implementação de placas fotovoltaicas e painéis para aquecer água, a construção reduziu em 37% o consumo de energia.

Curtiu nosso conteúdo? Esperamos que ele tenha inspirado você! Se quiser ver outros artigos sobre arquitetura e engenharia, e conferir dicas para o seu projeto, acompanhe as publicações aqui, no blog da Iplan.

E se você desejar tirar seu sonho de construir uma casa sustentável do papel, fale com nossa equipe de especialistas. Nós podemos ajudar você!

Rolar para cima
× Orçamento